segunda-feira, 31 de outubro de 2011

coxinha de frango


 coxinha de frango

comida de boteco:
Por Juliana Tiraboschi,







Fotos: Viridiana Brandão

Esqueça aquele salgado massudo, seco e sem-graça. 
Essa coxinha que nós vamos ensinar a fazer fica crocante
 por fora e macia por dentro, uma delícia.


O cozinheiro Francisco Monteiro, o Chico, vai mostrar como
 fazer uma versão adaptada do salgado servido no bar Veloso
A coxinha de lá é considerada uma das melhores da cidade de São Paulo.

Essa receita rende até 30 unidades. 
Se quiser fazer uma quantidade menor é só adaptar os ingredientes.

Mãos à obra!

Rendimento:
30 unidades

Ingredientes:

Para o recheio


- 2 peitos de frango
- 1 colher de sopa de óleo
- 1 colher de sopa de alho moído
- Sal a gosto
- Salsinha a gosto
- Colorau a gosto (corante)
- 300 gramas de requeijão para culinária

Para a massa

- 500 gramas de farinha
- 500 ml de água
- 100 gramas de manteiga
- 1 colher de sopa rasa de sal

Para empanar e fritar

- 1 ovo inteiro
- 500 ml de leite
- 1 kg de farinha de rosca
- Óleo (o quanto baste para fritar as coxinhas.
Se você fizer poucas por vezes, vai precisar encher menos a panela
 de óleo)

Modo de fazer:

- Comece preparando o frango.
 Coloque os dois peitos em uma panela de pressão, cubra com água
 e cozinhe por uma hora.

- Retire o frango da panela, espere esfriar e desfie a carne. 
Junte óleo, alho, sal, salsinha, colorau e o requeijão para culinária. 
Reserve.




- Agora vamos para a massa. Coloque a água em uma panela no fogo médio.

- Acrescente a manteiga e o sal. Derreta a manteiga. 
Quando começar a borbulhar, acrescente a farinha.






- Mexa bem até que a massa não grude mais. 
Leva apenas alguns minutos para chegar a esse ponto, então fique atento.





- Desligue o fogo. 
Espalhe a massa em uma bancada e espere esfriar.


- Unte as mãos com manteiga. 
Pegue uma bolinha de massa e abra-a na mão.


- Coloque um pouco do recheio e, com a ajuda da outra mão, 
vá fechando a massa. Molde o formato da coxinha com as mãos.





- Jogue em uma travessa com o ovo misturado com o leite.



- Quando terminar de moldar as coxinhas, passe-as na mistura
 de ovo e leite e passe uma a uma na farinha de rosca.



- Aqueça o óleo a 150oC. Mergulhe as coxinhas na panela até 
que estejam douradas. Passe pelo papel-toalha para retirar 
o excesso de óleo.



- Estão prontas! Use salsinha para decorar e bom apetite!
http://br.mulher.yahoo.com/

http://br.mulher.yahoo.com/


Sardinha empanada
Por Redação Yahoo! Brasil |

Essa receita de Sardinha à Miguel Couto do 
bar Pirajá, que fica em São Paulo, é super fácil
 de fazer e ainda é barata.

Cai muito bem com aquela cervejinha ou caipirinha
 do fim de semana, e é perfeita para abrir o apetite 
para a refeição principal.


Veja como é simples:

Ingredientes:

- 400g de sardinha (3 filés inteiros) – pode aumentar a quantidade, se quiser fazer mais filés
- Suco de dois limões-taiti

- 50g de farinha de trigo (ou o suficiente para 
empanar os filés)
- 100g (aproximadamente 1 xícara) de farinha

panko (farinha típica da culinária japonesa, 
parecida com a de rosca.

 É vendida em alguns supermercados e lojas de produtos orientais.
Se não encontrar, pode substituir por farinha de rosca).
- 2 ovos
- Sal a gosto

Modo de fazer:
- Limpe os filés.

- Tempere-os com sal e o suco de limão.

- Empane com farinha de trigo, ovos e a farinha panko.

- Frite em óleo quente.



Pastel de costelinha e borda recheada de queijo

Por Juliana Tiraboschi, da Redação Yahoo!

Se você gosta de pastel, vai adorar essa receita.
 Mas esqueça o pastel de queijo, carne, palmito ou pizza. 
Esse é diferente. 
Seu recheio leva uma costelinha bovina fatiada que
 desmancha na boca de tão bem cozida.

E, em vez do restante da massa ser preenchida por vento, a borda do pastel é recheada com um requeijão nordestino levemente defumado que casa perfeitamente com a carne.

Dá um pouquinho de trabalho para fazer, e a costela demora para cozinhar. Mas vale a pena gastar algumas horas para se deliciar com esse petisco.

Quem ensina a receita é o chef José Maria Vieira, do bar Veríssimo, em São Paulo, que homenageia o escritor Luis Fernando Veríssimo. 
O prato é criação de Marcos Livi, chef de cozinha e proprietário da casa.

Ingredientes:

(Rendimento: 6 pastéis médios)

- 500 g de costela de vaca
- Sal grosso a gosto
- 200 g de requeijão nordestino, que pode ser encontrado
 em bons supermercados (se não achar, pode usar 
requeijão culinário. 

Neste caso, não use o creme de leite)
- 200 ml de creme de leite fresco 
(é importante que seja do fresco, não de caixinha)
- 500 g de massa de pastel pronta
- 2 colheres de sopa de salsinha picada
- 2 colheres de sopa de azeite
- Pimenta do reino a gosto




Fotos: Viridiana Brandão

Modo de fazer:

- Comece preparando a costelinha. Retire o excesso 
de gordura da carne. Tempere com o sal grosso. 
Embrulhe a costela em papel filme, e depois embrulhe
 em papel alumínio.
 Leve ao fogo baixíssimo por 12 horas. A carne tem de 
ficar desmanchando de tão macia.

- Retire a carne do forno e espere esfriar. 
Corte em tiras finas. Não retire toda a gordura, senão
 a carne pode ressecar. Reserve.



- Coloque o creme de leite em uma tigela. Acrescente o queijo.



- Misture bem para ficar cremoso. Acrescente uma das
 colheres do azeite. Misture bem. 
Coloque pimenta do reino a gosto (sugestão: use meia
 colher de chá de pimenta). 
O creme tem de ficar com uma consistência de pasta.



- Coloque o creme em um saco de confeiteiro. 
Se não tiver, pode improvisar um cone com um furo
 na ponta com um saco plástico. 
Ou pode colocar o creme sobre a massa com uma
 colher mesmo, é que com o saco de confeiteiro 
é mais fácil. Reserve.



- Coloque a costela fatiada em outra tigela.
 Acrescente a salsa e a pimenta do reino 
(mais ou menos meia colher de chá). 
Acrescente a outra colher de azeite. Misture.



- Abra a massa. 
Distribua a carne pela massa de modo que forme 
seis montinhos com o mesmo espaço entre eles. 
Borrife um pouco de água, para umidificar a massa.



- Distribua faixas de queijo em três dos lados de cada pastel. Deixe um dos lados livre. 
Cubra a massa e marque com as mãos as divisórias de cada pastel.



- Agora, use um cortador de massa para marcar os limites
 entre as bordas de queijo e o recheio central de carne,
 mas sem recortar totalmente a parte do meio.
 Agora, recorte e destaque o pastel do restante da massa.



- Ele vai ficar assim.




- Faça o mesmo com os outros.



- Agora é só fritar os pastéis em óleo bem quente. 
Frite dos dois lados.




- Se quiser, sirva com um vinagrete feito com tomate, 
cebola e pimentão picado, azeite, vinagre (ou limão), 
sal, pimenta do reino e salsinha picada. Bom apetite!




Nenhum comentário:

Postar um comentário